Geral

14/11/2015 10:30 Jornal da Cidade

MEIO AMBIENTE: Jatos com líderes mundiais estão em AF

O município de Alta Floresta, polo do extremo norte de Mato Grosso, reconhecido em vários países por sua diversidade natural e encantos da floresta amazônica, sedia desde ontem um encontro entre líderes mundiais. Desde o começo da tarde desta sexta-feira começaram a chegar no Aeroporto Municipal Osvaldo Marques, jatos de várias partes do país e outras partes do mundo. As cinco primeiras aeronaves a aterrissarem são segundo informações, avaliadas em mais de um bilhão de dólares. São todas particulares transportando representantes das empresas participantes do evento internacional.

Há informações de que entre os líderes mundiais visitando Alta Floresta nesta oportunidade, estão representantes das Organizações Globo, Ambev, Wells Farg Bank, Down Chenical, Shell e Coca Cola. As reservas em hotéis da cidade foram feitas de forma discreta e sigilosa. No meio da semana foi ventilado que alguns dos líderes mundiais antes de se deslocarem para Alta Floresta em Mato Grosso, fizeram checagem sobre segurança do aeroporto e violência na região. Todos no entanto, chegaram no aeroporto de forma simples e sem interesses em holofotes.

Mas conforme apurado, o evento que vão participar segue um cronograma anual de encontros mundiais, sendo Alta Floresta a cidade e local escolhido para discutir ações em prol do meio ambiente. “Nossa Missão: conservar as terras e águas de que toda a vida depende”, diz uma frase no site www.nature.org/latin-america-conservation-council/. Há informações de que o Hotel Floresta Amazônica e Pousada Cristalino seriam dois pontos de referência, mas não houve qualquer confirmação oficial.

De acordo com a página, os presidentes de empresas internacionais são na verdade, “um grupo sem precedentes de líderes globais que trabalham com The Nature Conservancy de soluções para três dos maiores desafios da América Latina - Segurança da Água, Sustentabilidade de Segurança Alimentar e Infra-estrutura inteligente - para beneficiar ambos os povos e a natureza”.

Conselho de Conservação da América Latina

O Conselho de Conservação da América Latina (LACC) é composto de mais de 30 líderes globais que exigem a proteção da natureza e eficaz gestão dos seus recursos para a prosperidade sustentável das gerações futuras

Dentro dessa realidade, o Conselho de Conservação da América Latina nasceu em 2011. Os membros do Conselho estão aproveitando sua experiência coletiva, influência e recursos para ajudar a conservar “capital natural” da América Latina - seus rios saudáveis, florestas e mares - e para desenvolver inovadora, pragmática e escalável soluções para três desafios ambientais generalizadas: a segurança da água, Segurança Alimentar Sustentável e Infra-estrutura inteligente.


O site Florestanet, foi o primeiro site de notícias de Alta Floresta, teve a sua operação iniciada em 1999, sendo um dos pioneiros no jornalismo on-line.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo